24 de Fevereiro de 2018
Ribeira de Pena | 13-08-2014
Por: Redacção
Várias “lixeiras a céu-aberto” preocupam população de Ribeira de Pena
Lixo despejado a céu-aberto
No passado mês de Abril, a Câmara Municipal de Ribeira de Pena lançou um concurso público, cujo valor do preço base do procedimento era de 920 mil euros, para recolha e transporte dos resíduos sólidos urbanos, fornecimento, manutenção e lavagem de contentores no município.

Como consequência deste concurso foram retirados de todo o concelho os contentores para depósito de “monos”, onde a população ia colocando os seus “monos” (mobílias velhas, colchões, electrodomésticos, etc.).

As populações, agora impossibilitadas de usar as referidas caixas, vão depositando os seus “monos” nos lugares onde em tempos estavam os referidos contentores, o que está a tornar-se um grave problema ambiental, uma vez que por todo o concelho surgem agora várias lixeiras a céu-aberto.

Achou esta notícia interessante?
Comentários (4)
Anónimo disse

Será que até a nova Empresa escolhida para a recolha do lixo tem a mão do Noronha?


26 de Agosto de 2014 18:01




Anónimo disse

que se fod%$%#%$ o lixo o rui gosta é de festas


15 de Agosto de 2014 17:41




Anónimo disse

agora que temos 3 ou 4 vezes mais população é que decidiram mudar a empresa da recolha do lixo para os amigos e eles nada recolhem.


14 de Agosto de 2014 17:45




Anónimo disse

se fossem só os monstros. os caixotes do lixo agora estão dias e dias sem ser recolhidos. isto é uma vergonha mas festa não faltam


13 de Agosto de 2014 19:14








Anónimo:



opinião demarcada
Vídeo em Destaque
Este vídeo foi apresentado no oitavo aniversário da adbasto (Associação de Desenvolvimento Técnico-Profissional das Terras de Basto), e conta, visual e oralmente, a história desta associação.
Notícias
  • Últimas
  • + lidas
  • + comentadas
  • + votadas
edição impressa